Subexplicado

Morte Súbita (The Casual Vacancy)

morte súbita 1

Faz tempo que não falo de livros por aqui. Não sei ao certo o porquê, mas um dos motivos é que tenho lido menos (mas ainda tenho lido regularmente). Aproveitando a "volta" do assunto ao blog, gostaria de anunciar um novo formato para esses posts. Não serão exatamente resenhas críticas, pois não tenho embasamento algum para fazê-las, mas vou fazer comentários pessoais sobre a história e sobre o livro . Para começar, escolhi o livro Morte Súbita, da autora J. K. Rowling. Nunca havia lido nada dela (não li Harry Potter) e gostei muito do que encontrei nesse livro.

morte súbita 2

Título: Morte Súbita (The Casual Vacancy– no original)
Autor: J. K Rowling
Editora: Nova Fronteira
Edição: 1ª
Ano: 2012
Especificações: Brochura | 501 páginas

O que diz a sinopse:
Quando Barry FairBrother morre inesperadamente aos quarenta e poucos anos, a pequena cidade de Pagford fica em estado de choque.
A aparência idílica do vilarejo, com uma praça de paralelepípedos e uma antiga abadia, esconde uma guerra.
Ricos em guerra com os pobres, adolescentes em guerra com seus pais, esposas em guerra com os maridos, professores em guerra com os alunos Pagford não é o que parece ser à primeira vista.

morte súbita 3

O livro se trata basicamente sobre política. Acompanhamos toda a repercursão da morte de Barry Fairbrother um dos Conselheiros Distritais de Pagford, um distrito localizado no interior da Inglaterra. Conhecemos a fundo vários personagens da história, através de seus pontos de vista que são narrados em terceira pessoa.
A morte de Barry causa uma vacância no Conselho Distrital, mas muito além disso, ela causa toda uma reviravolta na vida e no futuro de todos em Pagford. Muita intriga, mentira, segredos e revelações deixam o livro cheio de tensão, do início ao fim.  Foi a minha primeira (e única até agora) leitura desse ano e eu não tinha percebido que tinha gostado tanto, até começar a praticamente obrigar a Babi a ler, depois que ela pediu uma dica de leitura no facebook. Em Morte Súbita encontramos uma leitura madura, sofisticada e nada doce. É um livro sobre a vida real e suas amarguras.

O fato do livro ter como locação a Inglaterra é muito agradável. Apesar de Pagford ser um distrito fictício, os hábitos dos personagens são super ingleses e é gostoso de acompanhar. Como eu leio muito livro de autores norte-americanos, acho interessante variar a leitura para outra cultura.

morte súbita 4

O livro em si (fisicamente falando) está lindo e eu fiquei encantada pela qualidade. Inclusive na última página somos informados sobre o papel utilizado na confecção do livro. Achei o máximo. A capa também está linda e tem um acabamento fosco, quase emborrachado, de excelente gosto. A diagramação está muito confortável para a leitura e eu praticamente não encontrei erros de gramática ou até mesmo de digitação ao longo da leitura. A Nova Fronteira está de parabéns!

morte súbita 5morte súbita 6

Gostei muito de Morte Súbita e com certeza recomendo, principalmente se você quer um livro sem frescura, sem água com açúcar .

Comprei o meu no fim de 2013 (!!!) e paguei R$24,90,  em uma promoção na Americanas loja física. Na época em todo canto estava R$49,90. Depois disso, vi também na Americanas por R$19,90, porém em uma edição econômica, com folhas brancas e em tamanho reduzido.

Olhando agora na internet, achei em uma SUPER PROMOÇÃO no Submarino por R$12,80!!! E pelo que li nos comentários é essa edição normal, a mesma que tenho. Se você se interessou, acho melhor correr… ahuahauh

Acabei de ler que The Casual Vacancy virou minisérie! Pelo que li os episódios irão ao ar em Fevereiro desse ano e a série conta com vários atores do elenco de Harry Potter. Mais informações aqui. Adorei essa notícia! *-*

Já leu esse livro? Quer ler? Não quer ler de jeito nenhum? Me conta nos comentários! 🙂

Minhas últimas leituras – 6 livros para ler nas férias
Troquei meus livros por um Kindle
5 livros de Terror para ler em Outubro (Mês do Horror)
14 comentários
  • Antonio Junior

    Li esse livro, gostei bastante também! JK Rowling conseguiu nos encantar com os personagens e fazer com que cada um tivesse um espaço em nossas memórias. Beijos e abraços!

    Responder
    • Camila Martins

      Pois é, Antonio! No começo do livro, confesso que achei a maior parte dos personagens desinteressantes, mas conforme a leitura vai avançando e vamos os conhecendo melhor, começamos a criar vínculos com cada um deles. Eu não esperava muito do livro e me surpreendi!

      Responder
  • Clayci

    Eu ainda não li! Mas quero ler hahahaha esttou ensaiando a leitura já faz um bom tempo.

    Adorei a resenha

    Responder
    • Camila Martins

      Clay eu também peguei várias vezes pra ler e acabava escolhendo outro… Até que dessa vez decidi que tinha que ler. Adorei!

      Responder
  • Ludi

    Tava curiosa pra saber o que você tinha achado! Duas amigas minhas acharam bem ruim, enquanto eu gostei muito da leitura.
    Quem lê, tem que entender que não será uma obra estilo Harry Potter, num mundo totalmente diferente de fantasia e tal…
    É um livro real, que conta como as pessoas reais são, em todos os aspectos de sua vida; e eu achei isso fantástico!
    E agora eu to é curiosa com essa série! (:
    Beijos! *:
    https://pseudoaleatoriedade.wordpress.com/

    Responder
    • Camila Martins

      Ludi, eu tbm adorei justamente por ser sobre a vida real! Eu ainda não li Harry Potter, mas sou super viciada em Game of Thrones (e As Crônicas de Gelo e Fogo) e estava totalmente nessa vibe de fantasia. Queria sair um pouco… No fim do ano li Garota Exemplar (que também gostei bastante) e agora no começo li esse. Gostei muito por serem coisas que vivemos, que entendemos…. Eu adoro livros assim!
      Beijão!

      Responder
  • Chris Eldridge

    Coloquei esse livro na minha lista de livros a ler … mas, estou atoladissimo de livros … vai ser difícil.

    New Era Times
    new-era-times.blogspot.com.br

    Responder
  • Grazy

    Eu também comprei o meu em 2013 e ainda não li! Li todos os "Harry Potter" e apêndices que ela escreveu sobre a saga (acompanho há 13 anos!!) mas ainda não me animei pra ler esse amarelinho. Kkkkk. Mas confesso que sua impressão me animou um pouco mais e vou colocá-lo na fila…

    XoXo.

    Responder
    • Camila Martins

      Grazy, a gente procrastina leitura, fala sério, hein! hauahauhah
      Eu não li os Harry Potter, mas se tiverem o mesmo estilo de escrita desse, eu já os adoro. Depois me conta o que vc achou, se achou parecido… 🙂
      Beijoooo!

      Responder
  • Bruna

    Oi Ca, esse seu blog tá um arraso de lindo! Acabei de ler uma resenha desse livro em outro blog também e vou te dizer que ele não me chamou a atenção! Sabe aquele livro que não desperta a nossa vontade de ler? Pois é! De todo modo, a aparência dele é mesmo linda 😀

    Responder
    • Camila Martins

      Owwnn, obrigada, Bru! *-*
      Sabe que o que mais me chamou a atenção no livro tbm foi a aparência? Achei super lindo!
      Também demorei pra ler pq não me interessava muito, mas adorei a leitura. Se algum dia tiver a oportunidade, leia. Quem sabe muda de opinião 🙂
      Beijooo!!

      Responder
  • Leticia

    Amei esse livro! E amei também os que ela escreveu como Robert Galbraith. É claro que há um desapego necessário para quem a conhece por Harry Potter, mas a verdade é que ela tem talento para narrativa e isso transparece na maneira como a gente se envolve com os personagens 🙂

    Responder
    • Camila Martins

      Letícia, eu não li nenhum Harry Potter, mas concordo absolutamente com o envolvimento pelos personagens, por causa da narrativa dela. Me senti parte da história. Quero muito ler O Chamado do Cuco e a sequencia dele.
      Beijooos!

      Responder